Walter Joaquim, taxista de Aimorés-MG, morreu por complicações da Covid-19.

Aimorés-MG – O taxista Walter Joaquim (Joaquim do Táxi), morreu aos 57 anos, na tarde desta quinta-feira (07), por complicações da Covid-19. Walter morava em Aimorés, região Leste do Estado de Minas Gerais, ele trabalhava no ponto da Praça da Estação Ferroviária no Centro de Aimorés-MG.

De acordo com as informações, Walter foi internado na véspera do Natal em um hospital de Aimorés-MG e foi transferido em seguida para Belo Horizonte-MG, diagnosticado com Coronavírus, seu quadro de saúde estava se estabilizando, mas na tarde desta quinta-feira (07), apresentou piora e ele veio a óbito.

Walter era muito querido na cidade de Aimorés-MG e tido como uma pessoa trabalhadora e da paz. No município vizinho de Baixo Guandu-ES, onde morou por muitos anos, Walter também era muito conhecido e querido pelos Guanduenses, onde trabalhou na década de 90 como gerente do antigo laticínio SPAM. Nas redes sociais amigos deixaram mensagens de despedida e de conforto para os familiares do taxista.

Walter era apaixonado pelo Flamengo e se orgulhava de usar a camisa do clube carioca. Ele foi candidato a vereador nas últimas eleições de 2020 e era irmão do professor Renato, pessoa pública no município que disputou a prefeitura de Aimorés-MG também nas eleições do ano passado.

Walter Joaquim deixa quatro filhos, seu corpo será sepultado na comunidade conhecida por “Mata três”, na zona rural do município de Aimorés, onde moram os seus pais. Segundo informou a família, não haverá velório em obediência ao protocolo das autoridades de Saúde.

Foto: Facebook.

* 04/08/1963 + 07/01/2021.

Redação: Jornal ATV – A Tribuna do Vale o seu portal de notícias online.