Mais reajustes: Tirar carteira de motorista e casar, ficará mais caro em 2021 no ES. Confira!

Espírito Santo – Os capixabas que pretendem tirar a carteira de motorista (CNH) ou se casar em 2021 podem preparar o bolso porque as taxas estão mais caras no Espírito Santo. Não bastasse os reajustes anunciados nas últimas semanas nos preços das passagens de ônibus (Transcol) e das tarifas de pedágio, por exemplo, agora mais esses dois serviços estão mais caros no Estado.

De acordo com a Secretaria Estadual da Fazenda (Sefaz). O reajuste foi de 3,92% — no ano passado, havia sido de 2,53%. A Sefaz explica que o aumento dessas taxas está no reajuste do Valor de Referência do Tesouro Estadual (VRTE), utilizado pelo Estado no cálculo de taxas e na atualização monetária de impostos em atraso. O VRTE passou de R$ 3,5084, em 2020, para R$ 3,6459, em 2021.

Com os novos valores o capixaba vai desembolsar para a retirada da primeira habilitação (permissão), nas categorias A ou B (moto ou carro), R$ 396,76, antes o valor era de R$ 378,9, o valor de referência, para essa taxa é de 108 VRTE. Já para quem pretende tirar a CNH para as duas categorias, o preço subiu de R$ 473,63 para R$ 492,20.

Agora se o capixaba quiser realizar a oficialização de casamentos nos cartórios, as taxas também subiram. Quem planeja se casar, no cartório ou na igreja, terá de desembolsar R$ 452,62, em vez de R$ 435,55, como era no ano passado. Já a taxa de divórcio passou de R$ 104,69 para R$ 108,80.

Redação: Jornal ATV – A Tribuna do Vale o seu portal de notícias online.