Jovem quase passa por amputação da ponta dos dedos por roer unha.

Parece brincadeira mas é sério, esse caso foi registrado no Texas, nos Estados Unidos. Uma estudante universitária teve de ser operada após descobrir uma inflamação por conta de um hábito comum e, nada higiênico: roer as unhas.

Segundo informações, a jovem Lauren Nichols, descobriu que tinha paroníquia, uma inflamação cutânea que deixou as pontas dos dedos inchados e esverdeados. 

Com o passar dos dias, o inchaço só foi aumentando e a situação se agravou. A estudante relatou o caso num vídeo no tiktok.  Ela chegou a fazer um tratamento com antibióticos, mas o medicamento não fez efeito e ela precisou ser operada. 

Em uma entrevista a um site americano, o médico que a atendeu disse que ela teve sorte, pois nesses casos os dedos do paciente precisam ser amputados, devido a gravidade da infecção. Como ela procurou atendimento rápido, a amputação foi evitada.

Depois do susto, Lauren parou com o hábito de roer as unhas e divulgou a história a fim de alertar as pessoas sobre as doenças que o simples hábito pode causar nas pessoas.

Redação: A Tribuna do Vale o seu portal de notícias internacional.

Compartilhe
Facebook
WhatsApp

Notícias Recentes

Portal de notícias de Baixo Guandu e região Vale do Rio Doce. Desde 2018.